IN | extense space



No contexto do trabalho IN | extense space a noção de espaço coreográfico é proposta através de entendimentos de espaço encaminhados por filósofos e teóricos como Gilles Deleuze e Félix Guattari, Brian Massumi ou Susanne Langer. IN | extense space explora a noção de espaço coreográfico baseado na concepção de espaço como um conceito relacional dinâmico, sugerindo que o espaço coreográfico seja construído num espaço intensivo, numa rede espaço-temporal transitória de forças, vetores e tensões, processuais e instáveis e, inevitavelmente, experienciais.

Com a descoberta dos neurônios-espelho no córtex, sabemos que quando um sujeito executa uma ação ou quando um sujeito vê uma ação a ser executada, estes neurônios disparam.

Quando observamos alguém a movimentar-se, são ativados circuitos motores no cérebro que não resultam directamente dos nossos movimentos, mas sim de uma experiência mental desses movimentos.


O trabalho propõe que o espaço performativo se torne numa experiência co-presente e que se tome consciência de que, essa experiência, existe em qualquer experiência de espaço coreográfico, seja essa experiência de participantes, intérpretes ou público.


Com:

Catarina Almeida

Cristina Mendanha

Gabriela Barros

Paulo Mesquita

Peter Michael Dietz


Estreia 18 de Dezembro de 2020

Edificio do Castelo | Braga


fotografias_ Catarina Almeida


Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

Parceiro associado

Estrutura associada 

DESIGN BY PLAY BLEU 2017 I  CAROLINA VIEIRA 2020 l TODOS OS DIREITOS RESERVADOS - ARTE TOTAL